Em caso de guerra na Russia, o Brasil será novamente sede da Copa? #Boato #FakeNews

O Boato: Se houver guerra na Russia, Brasil será novamente sede da Copa do Mundo.

A notícia que vem se espalhando nas redes sociais nesse mês de Abril é que, de acordo com um suposto texto do regulamento da FIFA teria previsto que, em caso de impossibilidade da realização da Copa do Mundo no país sede escolhido (no caso a Russia), o último país que sediou a Copa seria o anfitrião novamente.
Segundo o boato que se espalhou, caso a Rússia entre em guerra, quem receberia a Copa do Mundo de 2018 seria de novamente o Brasil!


A mensagem diz o seguinte:
Em caso de impossibilidade da realização da Copa no país sede atual, o país sede passa a ser o anterior. Ou seja… Estaremos de volta.

O Brasil será mesmo sede da Copa caso a Russia fique impossibilitada?

A resposta para a pergunta é: Talvez. No regulamento oficial da FIFA, essa “lei” na verdade não existe. O que ocorre na verdade é que, caso o país sede não possa receber o evento, a Federação Internacional de Futebol se reúne em um comitê que sera criado para escolher um novo país-sede.
Para entender melhor, essa impossibilidade de um país sediar a Copa já ocorreu em 1986, no caso a Colombia iria sediar a Copa do Mundo,mas então o presidente em exercício, Belisario Betancur alegou dificuldades econômicas 4 anos antes e desistiu de receber a competição. A FIFA, então, convocou uma reunião com o seu Comitê Executivo que escolheu o México (que já havia sido sede em 1970 – 16 anos antes).

VEREDITO: ESSE BOATO É VERDADEIRO OU FALSO?

Resumidamente, o boato é FALSO, Não há nada no regulamento da FIFA afirmando que o último país que sediou a Copa do Mundo volte a ser anfitrião do evento caso o país atual não possa receber o campeonato!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *